Secretária recebe aluno premiado em festival de dança europeu

Cultura
9 de maio de 2017

Alen Cássio conquistou o 2º lugar no 19º Festival Norte Dança, realizado entre os dias 21 e 23 de abril, na cidade de Porto, em Portugal

 

A secretária de Educação, Cultura e Esporte (Seduce), Raquel Teixeira, recebeu nesta terça-feira uma comissão do Colégio Estadual Sebastião Alves de Souza que veio agradecer ao apoio da pasta na conquista do aluno da rede pública estadual, Alen Cássio Júnior Luiz Caixeta, de 17 anos.

Alen Cássio conquistou o 2º lugar no 19º Festival Norte Dança, realizado entre os dias 21 e 23 de abril, na cidade de Porto, em Portugal. “A dança é minha paixão, minha arte e a minha forma de se expressar com o corpo. Ter conseguido esse apoio para se apresentar fora do País não tem palavras para descrever. Foi uma experiência, simplesmente magnífica, ainda mais ter ido como aluno de rede pública, levando o nome de um grupo chamado Alma e Corpo, isso para mim é lindo e maravilhoso”, conta o estudante.

Desde 2012 a unidade de ensino de Alen Cássio desenvolve o projeto Alma e Corpo, coordenado pelo Centro de Estudo e Pesquisa Ciranda da Arte. O professor de dança, Valter Dias Caldeira afirma que as aulas têm sido uma ferramenta para trabalhar conteúdos acadêmicos de várias disciplinas. “O grupo Alma e Corpo trabalha utilizando conteúdos de outras disciplinas. Se por exemplo, a professora de biologia passa um conteúdo, eu vou desenvolver essa base teórica na dança”, explica o professor.

A secretária Raquel Teixeira ressaltou seu apoio à realização de disciplinas eletivas nas unidades de ensino da rede estadual. “Essas atividades são importantes para a formação integral dos alunos e também contribuem para melhoria no desempenho acadêmico”, destacou a secretária.

Coreografia

O estudante goiano apresentou, em Portugal, a coreografia “O Despertar do Escorpião”. De acordo com o professor Valter, a coreografia foi pensada por uma equipe multidisciplinar. “Entendo que a dança pode auxiliar no aprendizado, então procuro estar sempre alinhado com o que os alunos estão estudando em sala de aula. Nesse caso, a professora Márcia, de Biologia, sugeriu incluir o escorpião pelo fato de a turma estar aprendendo a zoologia dos invertebrados”, explicou.

As características do escorpião inspiraram o figurino, a maquiagem e os movimentos corporais do bailarino goiano nos palcos. Seu estilo exótico também atraiu os olhares do público para além do espetáculo. “Todo mundo parou para tirar foto, para conversar com ele. Teve um momento que nem eu consegui chegar perto do bailarino. O tecido cor de pele e a maquiagem mexeram muito com todos”, narrou Valter.

 

Goiânia, 9 de maio de 2017.

Comunicação Setorial da Seduce