Avaliações em larga escala movimentam as escolas estaduais no mês de outubro

educacao
11 de outubro de 2017

A rede pública estadual de educação se prepara para um mês especial. Nas próximas semanas, alunos da rede serão avaliados nas áreas do conhecimento de língua portuguesa e matemática. No dia 18 de outubro, acontece a aplicação dos testes do Sistema de Avaliação Educacional do Estado de Goiás (SAEGO). Já entre 23 de outubro e 3 de novembro ocorre a Prova Brasil, dentro do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb).

As avaliações são importantíssimas para se obter um diagnóstico da realidade educacional e, a partir disso, estabelecer planos de ação que possam melhorar a qualidade e equidade do ensino.

Feriado

Para garantir a participação efetiva nos testes, o governo do estado alterou a data de um feriado estadual. O feriado em comemoração ao lançamento da pedra fundamental de Goiânia, previsto para o dia 24 de outubro, foi antecipado para o dia 16 do mesmo mês exclusivamente no âmbito do Sistema Estadual de Educação. A mudança facilita a participação dos alunos na Prova Brasil e garante que o resultado acadêmico e as análises contextuais sejam mais fidedignos.

Como o feriado da pedra fundamental  da capital não costuma ser comemorado em todas as regiões do estado, cada uma das 40  Coordenações Regionais de Educação da Seduce Goiás decide se precisa ou não antecipar o feriado, conforme o cronograma das escolas vinculadas, para não prejudicar o bom andamento das provas. Na regional de Goiânia, por exemplo, o feriado não será antecipado.

No caso do SAEGO, as datas dos feriados federais e estaduais não interferem na aplicação.

SAEGO chega a sua 7ª edição

Criado em 2011, o SAEGO já é parte do cotidiano da educação estadual. A cada edição, são avaliados mais de 100 mil alunos da rede estadual. A edição de 2013 alcançou o maior percentual de participação em cada uma das etapas avaliadas, apresentando uma média de 79,5%.

Participam do SAEGO todos os alunos matriculados na rede e que cursam o 2º, 5º e 9º anos do ensino fundamental e a 3ª série do ensino médio. As provas são aplicadas em sala de aula. Os estudantes do 2º ano do ensino fundamental terão até duas horas para responder às questões, enquanto os de 5º e 9º anos e do ensino médio, duas horas e meia.

Fonte: Saego com informações da Comunicação Setorial da Seduce