Goiás na Frente Educação investe na construção de 52 escolas Padrão Século 21

educacao
13 de julho de 2017

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Seduce), está construindo 52 escolas Padrão Século 21 em 26 municípios e na capital. Estas obras fazem parte do programa Goiás na Frente que destinará R$ 510 milhões para as áreas de educação, cultura e esporte.

Até o final deste ano serão concluídas 22 escolas, e entregues ainda 71 quadras cobertas e concluídas 45 quadras. Em 2018 serão finalizadas 30 escolas, concluídas a cobertura de 30 quadras e construídas outras 45.  Além destes recursos a Seduce destinará, até 2019, outros R$ 300 milhões para reformas nas escolas.

As Escolas Padrão Século 21 a serem concluídas em 2017 ficam em: Acreúna, Águas Lindas (3), Cidade Ocidental, Cristalina, Formosa (3), Luziânia (4), Padre Bernardo, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto (4) e Valparaíso de Goiás (3).

Para 2018, a previsão é concluir outras 30 unidades de ensino, que já estão em andamento ou em processo de licitação para construção nos municípios: Águas Lindas (2), Alexânia, Aparecida de Goiânia (2), Aruanã, Barro Alto, Catalão, Cidade Ocidental, Cocalzinho, Corumbá de Goiás, Cristalina, Goianésia, Goiânia (3), Goianira (2), Itapuranga, Jataí, Novo Gama (3), Planaltina, Rio Verde (3), Senador Canedo, Silvânia e Uruaçu.

No primeiro semestre deste ano o município de Caldas Novas foi beneficiado com a entrega de uma unidade de ensino Padrão Século 21. O Colégio Estadual Delcídes Ferreira de Morais custou mais de R$ 1,1 milhão. A unidade tem capacidade para atender 920 alunos, do 6º ao 9º do Ensino Fundamental e Ensino Médio, com funcionamento nos turnos matutino, vespertino e noturno. O colégio tem 12 salas de aula e segue o Padrão Século 21, modelo idealizado pela secretária Raquel Teixeira em sua primeira passagem pela Educação, no primeiro governo de Marconi Perillo. A escola conta ainda com quadra poliesportiva, laboratório de ciências, biblioteca, grêmio estudantil, auditório, administração e sala dos professores.

Igualdade

O governador Marconi Perillo tem enfatizado o papel da escola como ferramenta de combate à desigualdade social. “Certamente, professora Raquel, nossa grande maestrina nesta condução da educação em Goiás, nós vamos colher os frutos, e quem vai nos dar os frutos serão os servidores administrativos, temporários, professores e os alunos com a ajuda de seus pais. Educação pública de qualidade é a maior democratizadora de oportunidades que nós podemos ter na vida, e é por isso que nos esforçamos tanto para fazer um excelente governo na educação”, destacou o governador.

A secretária Raquel Teixeira considera que a Escola Padrão Século 21 cumpre funções que vão além do papel de uma unidade de ensino tradicional. “Nós já temos uma quantidade enorme de escolas deste padrão que são modernas, confortáveis, com ambiente para informática, biblioteca, espaço cultural. Uma escola deste modelo passa a ser um lugar que irradia cultura e aglutina as pessoas. Então é um espaço educacional, cultural, científico e esportivo da maior importância”, pontuou a secretária.

Entrega de quadras

Este ano, o Governo de Goiás, por meio da Seduce, já entregou outras quatro quadras poliesportivas sendo uma na capital e as demais nos municípios de Nova Veneza, Santa Helena e Goianésia. Neste último município, a secretária Raquel Teixeira assinou a ordem de serviço para início da cobertura das quadras esportivas da Escola Estadual Presidente Costa e Silva e do Colégio Estadual Laurentino Martins.

Goiânia, 13 de julho de 2017.

Comunicação Setorial da Seduce