Governo anuncia pacote histórico de benefícios para educação; assista ao vídeo da secretária Raquel Teixeira

educacao
24 de abril de 2017

Benefícios apresentados pela secretária Raquel Teixeira na manhã desta segunda-feira, 24/4, fazem parte de pacotão de medidas autorizadas pelo governador Marconi Perillo

A segunda-feira, 24/4, ficará marcada para sempre na história do ensino público estadual. Depois de o governador Marconi Perillo anunciar um pacotão de benefícios que contemplará todos os servidores da rede estadual de ensino, a secretária de Educação, Cultura e Esporte de Goiás, Raquel Teixeira, explicou as novidades em vídeo.

O conjunto de medidas, já autorizado pela equipe econômica e financeira do Governo de Goiás, inclui reajuste de 7,64% aos professores efetivos do P1 ao P4, criação de uma gratificação que equipara a remuneração dos profissionais da ativa do quadro transitório ao dos professores do quadro permamente, autorização do concurso público para 1.000 vagas (900 para professores e 100 para administrativos), criação da Gratificação por Dedicação em Período Integral (GDPI) para os professores que lecionam nas escolas de tempo integral, reajuste de 21% para os servidores administrativos e de 34% para os temporários, além de criação do vale-alimentação no valor de R$500,00 para todos os servidores (efetivos, temporários e comissionados). As medidas valerão a partir de junho.

“Essas são conquistas do ponto de vista pessoal, mas o governador também autorizou duas outras medidas que vão beneficiar diretamente as escolas, que é o reajuste de 20% no valor da merenda escolar e de 58% no Pró-Escola, programa que permite ao diretor realizar reformas emergenciais e pequenos reparos nas instituições de ensino”, destacou a secretária.

Veja fala de Raquel Teixeira no vídeo abaixo

Valorização

Para Raquel Teixeira, o anúncio das nove medidas representa um momento importante de celebração, já que se trata de uma conquista histórica para a rede pública estadual. Ela lembrou que desde 1999, quando também ocupava o cargo de secretária de Educação, o governador Marconi Perillo já dava os primeiros passos para se fortalecer como parceiro da educação.

A secretária fez questão de destacar ainda que anunciar essa lista de benefícios para as escolas e os servidores em um momento em que o país passa por uma grave crise financeira e econômica significa um ato de coragem e de comprometimento do Governo de Goiás com a Educação.

Raquel Teixeira ressaltou ainda que cada real investido no ensino público tem uma proporção muito grande para a melhoria da qualidade e para alcançar bons resultados. “Só um governador com muita sensibilidade é capaz de reconhecer o valor que tem os professores e administrativos nesse processo de avanços educacionais e esse pacotão de benefícios demonstra o quanto Marconi Perillo respeita, reconhece e valoriza os profissionais da área”.

Os aumentos e o pagamento do vale-alimentação representarão impacto de R$ 300 milhões sobre o custeio com a folha salarial dos servidores da Seduce apenas neste ano, de junho a dezembro. Os recursos estão previstos na vinculação, porcentual mínimo constitucional de 25% destinados obrigatoriamente para a Educação.

Equipe

Participaram da reunião no Palácio com o governador Marconi Perillo e a secretária Raquel Teixeira, a presidente do Sintego, Bia Lima, o vice-governador José Eliton,  o subsecretário de Educação de Goiânia, Marcelo Ferreira de Oliveira, e o secretários da Fazenda, Fernando Navarrete, e da Casa Civil, João Furtado. “Estamos aqui para agradecer a decisão do Governo de Goiás em conceder esses benefícios para a categoria, anunciados pelo governador Marconi Perillo. O governo estadual está valorizando a educação pública no Estado, se mostrando sensível aos pleitos dos servidores”, disse a presidente do Sintego.

Raquel anuncia benefícios para servidores da educação em seu gabinete

No Gabinete da secretária Raquel Teixeira na Seduce, a notícia foi recebida com entusiasmo pelo chefe de Gabinete, Antônio Celso Ferreira Fonseca; superintendente executivo Ivo Cézar Vilela; superintendente de Gestão, Planejamento e Finanças, Rivael Aguiar Pereira; subsecretário metropolitano, Marcelo Ferreira; da superintendente de Programas Educacionais Especiais, Solange Andrade de Oliveira; e do assessor de planejamento, Ronaldo Pinheiro de Araújo.

Confira a lista das conquistas dos servidores

  • 21% de reajuste para os administrativos;
  • 34% de reajuste para os professores temporários;
  • 1.000 vagas para concurso público;
  • 7,64% de reajuste para todos os efetivos;
  • Concessão de gratificação, de acordo com a escolaridade de cada um, que busca equiparar o salário do quadro transitório ao dos professores do quadro permanente;
  • Criação do auxílio-alimentação no valor de R$500,00 para todos os servidores da educação (efetivos e temporários)
  • 58% de reajuste no Pró-Escola;
  • 20% de reajuste na merenda escolar;
  • Gratificação para todos os professores das escolas de tempo integral.

 

Comunicação Setorial da Seduce 

Goiânia, 24 de abril de 2017