Recitais Vilaboenses

Recitais Vilaboenses é um projeto realizado na Cidade de Goiás que homenageia importantes personalidades do cenário artístico goiano por meio da música erudita. Começou em 2015, por meio de uma parceria entre a Secretaria de Educação, Cultura e Esporte de Goiás (Seduce) e a Escola de Música e Artes Cênicas (EMAC) da Universidade Federal de Goiás (UFG).

A atração cultural, que ocorre toda última sexta-feira de cada mês, é uma forma de aproveitar a transferência temporária do piano para o Palácio Conde dos Arcos, brindando o público com espetáculos gratuitos e de qualidade. O local de origem do instrumento é o Teatro São Joaquim, que passa por reforma.

A série Recitais Vilaboenses é ligado à Superintendência de Ação Cultural da Seduce, comandada pelo maestro José Eduardo Morais. Diversos nomes expressivos para a cultura goiana, como Goiandira do Couto, Veiga Valle, Maria Luiza Póvoa e Tião Curado, já foram homenageados com recitais de piano no Palácio Conde dos Arcos.